twilight-fan @ 12:08

Sab, 14/11/09

http://kristenjstewart.net/gallery/albums/revistas/revistas%202009/scans%20da%20ew/normal_scan002.jpg

Na sequência de Twilight,  New Moon, Robert Pattinson e Taylor Lautner estão brigando por Kristen Stewart. Fora das telas, todos são amigos leais. Em uma entrevista franca com a Entertainment Weekly dessa semana, eles dividem seus pensamentos sobre os rumores, fãs, os filmes – e cabelo.

Se fosse realmente o segundo grau, eles nunca seriam amigos.

As jovens estrelas de New Moon, a nova parte da ridiculamente famosa franquia de filmes Twilight,entram na cobertura da suíte de um hotel em Vancouver, que serviu de moradia durante as filmagens de Eclipse, o terceiro filme a ser adaptado dos livros de vampiros da autora Stephenie Meyer. Nas ruas abaixo, bancas estão cobertas com revistas especulando sobre o tórrido romance fora das telas entre Kristen Stewart e Robert Pattinson. Uma declara que eles foram morar juntos e estão morando como se fossem casados.

Na verdade sua casa é este hotel, que eles dividem com vários companheiros de quarto. “Sim”, fala Kristen maliciosamente, “você está entrando em nossa casa agora. Bem vindo.”

Stewart, 19, que interpreta a heroína taciturna de Meyer, Bella, preneu seu cabelo pintado de preto em um casual rabo-de-cavalo. Pattinson, 23, que interpreta o atraente Edward Cullen, parece com os olhos lacrimejantes e turvos e amarrotado embaixo de seu casaco do New York Yankees. Taylor Lautner, 17, que segurou o papel do melhor amigo de Bella, Jacob, ganhando 14 quilos em músculos, está bem arrumado, usando uma jaqueta de couro. Ele é religioso sobre seu protetor labial. Sim, estes três afirmam que eles iriam comer em mesas diferentes na lanchonete da escola. Mas no universo de Twilight eles são uma fronte unida, com um afeto inegável um pelo outro.

 

EW: Como vocês estão se virando ao viver em um aquário? Rob, você sempre parece meio distraído com tudo.
Robert Pattinson: Realmente depende da disposição. Quando encontrei você ano passado [antes de Twilight sair], eu estava dando entrevistas esporadicamente e nunca era reconhecido. Agora é como se em todo lugar que eu vou há um reconhecimento imediato. Então há uma responsabilidade maior…
Kristen Stewart: [Para Pattinson] Você não é qualquer pessoa famosa. Edward Cullen é um grande ícone. Quando você vê alguém na rua, não é apenas como se ela te conhecesse. É como se ela precisasse de você. Você completaria um aspecto muito particular da vida delas.
Pattinson: Sim, então eu tenho que ir e completar pessoas. [Rindo dele mesmo] É uma maldição!
Stewart: Não me importo em trabalhar todo dia. É como se, derrepente, eu tivesse este outro papel. E isto é muito decepcionante. Tudo que gostaria de fazer é ir lá fora com um livro e descobrir o que fazer com o meu dia. E se eu não posso fazer isso, então eu vou apenas ficar no meu quarto de hotel, na sacada fumando. [Pausas] Eu vou parar de fumar. Não sou uma boa fumante mesmo. Não está nos meus genes. Vou largar.
Pattinson: Nós três estamos trabalhando for dois anos [direto]. Parece que seu dia tem um roteiro desde que você acorda. Eu apenas esqueci como é quando você é livre.

EW: Rob, durante nossa ultima entrevista andamos sem preocupação por Holliwood antes de acabarmos entrando em um bar.
Pattinson: Esse era um mundo diferente. Sinto muita falta disso. A idéia de ir a uma entrevista agora, desacompanhado, e dizer “Hey, vamos para um bar…” Jesus Cristo, eu tenho tantas pessoas [do estúdio] no meu pé.

EW: Ano passado não podíamos esperar para ver Mickey Rourke em O Lutador. Alguns meses depois você estava senado bem atrás dele no Oscar.
Pattinson: [Rindo] Literalmente, quando me mostraram o arranjo dos lugares eu pensei, por que? Alguém estava tentando fazer todos dizerem “quem esse cara pensa que é?”
Stewart: E a câmera ficava voltando para eles, e o Rob apenas sentado lá tentando parecer sério.
Pattinson: Isso foi louco. Eu dirigi para o Oscar no meu velho carro – que eu nem sei onde está mais.

EW: Cara, cadê seu carro?
Pattinson: Eu perdi! E eu peguei emprestado um carro chique por cinco dias e bati ele.
Stewart: Porquê ele estava correndo dos paparazzi.
Pattinson: Pessoas nunca me seguem quando estou com minha BMW velha.

EW: Você era inflexível sobre não contratar um publicitário. Você mudou de idéia?
Pattinson: Não. Meu RP sempre diz “Robert, você realmente precisa de publicitário.” E eu digo “Oh, mas você está fazendo um grande trabalho com a publicidade.”
Stewart: [Rindo] O RP dele tem que trabalhar dez vezes mais.
Pattinson: [Para Stewart e Lautner] Seu publicitário é muito legal, mas ainda não sei qual é o motivo de ter um. A não ser ganhar coisas grátis.
Stewart: Sim, as todas as coisas grátis passam pelo seu RP agora.
Pattinson: Eu nunca ganho coisas grátis! Mas eu pego [meu RP] usando muitas coisas novas ultimamente. [Rindo]

EW:Vocês provavelmente já devem ter aprendido que ambivalência nem sempre funciona bem na imprensa. Aqui está uma chance de dizer o que é puramente espantoso na fama. [Longa pausa]
Stewart: Quer dizer… [Rindo]
Lautner: Para ser honesto, eu realmente gosto de estar aqui. O processo das filmagens. Conhecer pessoas novas.

EW: Taylor, você é o único que quase perdeu seu papel nas sequências. Você tem um relacionamento diferente com a fama por ter que brigar pelo seu trabalho??
Lautner: Não.

EW: Tinha certeza que você diria sim!
Lautner: Não, eu mantive meu olho no prêmio com por cento do tempo. Estava motivado. Não estava nem pensando em outra coisa.
Stewart: Graças a Deus você conseguiu o trabalho. Não iría querer lidar com você se não tivesse. Depois de todos esses meses de malhação!
Lautner: Só queria focar no que eu podia controlar, e trabalhei muito duro.

EW: Você quer dizer na academia? Porquê eu tenho visto seu abdômen em todo lugar esses dias.
Lautner: Sim, a academia foi uma grande parte, mas eu realmente estudei os livros e o personagem também. E tudo acabou saindo bem.

EW: Estou impressionado que você não cedeu a momentos como “Droga! Este papel está fugindo pelos meus dedos!”
Pattinson: Sim, Jesus.
Lautner: Estaria mentindo se dissesse que isso nunca passou pela minha cabeça.
Stewart: As únicas pessoas que estavam preocupadas e reconsiderando ele para o papel usavam ternos. [O diretor de New Moon]  Chris Weitz, e até Catherine Hardwicke antes dele, o elenco – todos do filme estavam torcendo por ele.

EW: Falando no Chris, vocês tem uma palavra sobre quem assume a direção?
Pattinson: Não, mas ele se encontra com cada um de nós antes de ter o trabalho. Esse cara é um santo.
Stewart: Ele é um ser humano ótimo, ele te faz sentir moralmente errado.

EW: Alguém perguntou a vocês opinião sobre o diretor de Eclipse, David Slade? [Risadas amarelas]
Pattinson: Não.
Lautner: Eles meio que só nos avisaram.
Stewart: [Apontando para sua cintura] Estamos por aqui na hierarquia.

EW: O estúdio já tomou a decisão de dividir o ultimo livro da serie, Amanhecer, em dois?
Stewart: Não temos a mínima idéia.

EW: Fazer filmes é diferente agora que todos sabem quanto dinheiro pode ser tirado de uma franquia?
Pattinson: O estranho sobre o primeiro é que a Summit não sabia com o que estava realmente lidando. Foi como um filme normal. Lá estavam os livros, mas nós tínhamos mais liberdade.

EW: Espere um minuto – você reclamou que não tinha muita liberdade para trabalhar seu personagem na ultima vez que nos falamos também.
Stewart: Isso é verdade.
Pattinson: [Rindo] Acho que há muita luta no primeiro. A coisa mais ridícula em Eclipse é meu cabelo.
Stewart: Isso é tão engraçado. Eu estava esperando para ver o que você ia dizer e então… o cabelo.
Pattinson: Eu juro pra você que nunca experimentei nada como isso. É todo dia. Em Twilight, eles queriam que eu tivesse extensões até minha cintura.
Stewart: Ele é um mentiroso. Ele não lembra. Ele está lembrando em como eles o fizeram sentir, mas eles eram apenas, como, até aqui [apontando para seus ombros].
Pattinson: Então eu disse a eles, “Olha, isso apenas não vai acontecer.” Eu disse, “Está parecendo como se já – se eu fosse para o set assim.” Eu parecia estúpido, mas em muitas formas o cabelo é 75 por cento da minha performance, então no segundo eu disse, “Escutem, eu preciso cortar o cabelo. Vamos fazê-lo um pouco mais real, um pouco mais…Metódico.” [Risos] Então no terceiro, eu estava fazendo as cenas de luta e tinha fios de cabelo na minha testa e eles eram como, “precisamos fazer de novo pois ninguém vai reconhecê-lo! Ninguém vai saber quem é!” E eu estava como, minha cara é assim tão genérica?
Stewart: Eles querem provas que é você mesmo que está fazendo as acrobacias, cara!
Pattinson: Tenho que parecer com o pôster todo o tempo. Apenas no case deles quererem usar qualquer cena para o trailer. Qualquer cena! Há umas cinco pessoas em departamentos diferentes que, por causa dos meus cabelos, acabaram em lágrimas.

EW: Kristen, deve ser legal assistir os garotos ficarem obsessivos pela aparência para variar.
Stewart: Quer saber? É muito bom.
Pattinson: Eu nunca me senti tão obsessivo pela aparência na minha vida. [Risos]
Stewart: Sério, é uma viagem sentar e olhar a objetivação sexual desses caras. Nunca me pediram para fazer nenhuma dessas coisas.
Pattinson: Nós tivemos que fazer uma cena no ultimo dia onde começa com ele tentando ser objetivado – apenas para acabar em negação.

EW: A famosa cena do beijo?
Pattinson: Sim. É tão engraçada.
Stewart: Ele literalmente diz “Bella, por favor pare de tentar tirar suas roupas!” Enquanto ele está sem camisa!
Pattinson: [Assume um ar de arrogância] “Por favor, Bella, isso é nojento! Deixe a nudez comigo.”

EW: Vocês são sortudos. Vocês claramente gostam um do outro.
Lautner: A quantidade de tempo que temos que passar com o outro – se eu não gostasse desses dois, seria exaustivo.
Stewart: E tem todas essas pessoas que nós como um grupo não gostamos. Então se nós não tivéssemos um ao outro para…
Pattinson: [Misterioso] Do que você está falando?
Stewart: Este grupo [apontando para eles os três] não gosta de certos indivíduos lá fora. Isso se torna cansativo em um filme se você não tem [se curvando sobre seu peito]. Você precisa de pessoas que entendem isso, e que estão na mesma posição que você.
Pattinson: Você precisa de ajuda. Onde tem tanto dinheiro envolvido, realmente parece que você é uma pessoa contra uma grande maquina, então você precisa…
Stewart: Não! [Dá a mão a Pattinson] Você não faz parte desse grupo mais. [Rindo] Amanhecer, cara, você está fora do grupo, sou eu e Taylor.
Pattinson: Espere, eu não entendo como isso aconteceu. Eu estava incentivando. [Lamentando] Está bem, vou encontrar um novo grupo. Mas é legal, quando você tem um laço genuíno. Eu não acho que vocês irão me esfaquear pelas costas. Certo?

EW: Vocês tiveram dois meses entre as seqüências neste verão. O que vocês fizeram?
Lautner: Eu estava em L.A. fazendo… coisas.

EW: Intrigante.
Pattinson: Fala, o que você fez?
Lautner: [Suspiros] Apenas… reuniões. E filmei [a comédia romântica] Valentine’s day. E eu tive que continuar indo a academia ou ia perder isso rápido.
Stewart: Comendo hambúrguers. Ele sai comendo bolsas de carne.

EW: Isso é uma visão horrorosa.
Lautner: Se eu tenho reuniões o dia inteiro, eu estou correndo pela cidade e não tenho tempo de…
Pattinson: Comer sua carne.
Lautner: Sim, então eu carrego uma bolsa com Patties [um tipo de carne] dentro.
Stewart: Patties, uhg.
Lautner: O pior não é Patties o. São as batatas doces. Elas ficam cruas e frias e nojentas.
Pattinson: Por que você não vai a um restaurante? [Risadas]
Lautner: Eu faço minhas malas de carne, o que posso dizer? Então, eu estava ocupado com reuniões…
Stewart: E carnes.

EW: Rob, você gravou Remember Me neste verão, entre as sequências. Foi no set de Nova York, que você foi atropelado por causa dos fãs?
Pattinson: Isso foi completamente inventado. Eu estava atravessando a rua, e tinha um táxi indo a uma milha por hora e ele acertou minha perna. A história acabou sendo como eu fui atropelado por um táxi por causa de uma multidão de fãs, [mas] era quatro horas da manhã e tinha uma pessoa lá – um paparazzi.
Stewart: Pessoas me perguntavam sobre isso no trabalho. E eu ficava como “O que? Acredite em mim, eu acho que saberia.”
Pattinson: E houve outro momento – aparentemente disseram que eu tive uma overdose. O segurança viu isso na TV, e eu não estava no meu quarto, e ele ficou como, “Uh-oh!” É apenas muito estranho. Eu acordo e meu quarto está bagunçado demais para pedir serviço de quarto, então eu acabo comendo um pacote de M&M no café-da-manhã – e levo cinco horas para achar isso. Essas são minhas primeiras cinco horas do dia. [Risos] E você ve as notícias e pensa, “quem se importa se ele teve uma overdose? Provavelmente vai torná-lo mais interessante!”

EW: Kristen e Rob, por quê vocês acham que as pessoas estão tão obssessivas com o relacionamento de vocês fora das câmeras?
Pattinson: Boa pergunta. Isso é algo que eu penso todo dia.
Stewart: Talvez seja apenas minha personalidade, mas eu não vou responder isso nunca. Eu provavelmente responderia se as pessoas não fizessem disso uma grande coisa. Mas não vou dar ao diabo uma resposta. Eu sei que as pessoas são engraçadas sobre “bem, você escolheu ser uma atriz, por quê você não revela toda a porcaria da sua vida? Posso ter seu primeiro filho?”

EW: Vocês não acham que apenas dizer, por exemplo, “Escutem, nós namoramos por alguns meses, foi estranho, nós somos melhores como amigos” acabaria com as especulações?
Pattinson: Nem pensar.
Stewart: Pessoas julgam demais e eu não sou forte o suficiente. Adoraria ser como, “não me importo com o que ninguém pensa.” Mas eu sou uma pessoa muito privada. E já pensei em cada resposta hipotética: “Okay, nós estamos. Não estamos. Eu sou lésbica.”

EW: Cuidado, você esta escrevendo as manchetes.
Stewart: Pensei sobre muito sobre isso. Não tem nenhuma resposta que não vá  te convencer de uma coisa ou outra. Só estou tentando guardar alguma coisa. Se as pessoas começassem a me perguntar se estou namorando o Taylor, eu estaria como, “F— se.” Eu responderia exatamente do mesmo jeito.
Pattinson: [Olhando para Lautner] Eu também.
[Risadas]

EW: Taylor, esse é provavelmente o pior momento para te perguntar como vai seu relacionamento com a Taylor Swift?
Lautner: [Risos] O que ela disse.